Blog do Flávio Pereira da Cérebro & Comunicação
Celulares 8525-1140 9228-5754 8739-1797 9768-2049

Oratória & Autoconfiança

Publicado em Oratória & Comunicação

Veja os Comentários

ap_jfk_obama_080207_msCOMO DOMINAR A SITUAÇÃO NA HORA DE FALAR EM PÚBLICO

À medida que você for pesquisando o tema da palestra, planejando a estrutura e o conteúdo, preparando o material de apoio e depois fazendo o ensaio, você vai se familiarizando com o assunto e passa naturalmente a dominá-lo e ficar autoconfiante.

Falar em público requer muita preparação. A autoconfiança surge dos bastidores.

 

Pode-se criar uma fórmula:

Pesquisa + Planejamento + Preparação + Ensaio = domínio do assunto = sucesso na oratória

Conheci muitas pessoas que dominavam o assunto, porque eram grandes especialistas na sua área, entretanto como não planejaram devidamente a fala, não prepararam o material de apoio e não ensaiaram como deveriam, ficaram muito nervosas antes de falar em público.
Acabaram por terem prejuízos. Não adianta você conhecer o assunto porque é especialista nele ou porque tem grande experiência, se não organizá-lo para a situação de falar em público.

O caso que mais chamou a atenção durante a minha experiência como professor de oratória foi o de uma jovem. Ela me procurou depois de um fracasso como oradora. Ela fez o concurso para o magistério superior e foi aprovada com honras porque era muito estudiosa e dedicada.

No primeiro dia de aula quando precisou enfrentar uma turma de alunos num auditório lotado, ela entrou em desespero e começou a chorar e a voz travou, tamanho era o seu nervosismo. No dia seguinte a jovem procurou o setor de recursos humanos da universidade e pediu demissão.

A jovem acreditou que conhecendo muito bem o assunto seria o bastante para falar em público com segurança. Ela não havia feito a lição de casa: não planejou, não se preparou e não ensaiou o suficiente para falar em público.

Falar em público é uma situação que envolve múltiplos aspectos: não só o conhecimento prévio do assunto, como também um planejamento do conteúdo e o ensaio deste, além da pessoa precisar ter autoconfiança e o controle emocional.

Em nosso curso de oratória presencial também testemunhamos muitos casos de profissionais liberais que dominam o assunto. Tinham muitos anos de experiência na área que atuavam. Alguns já eram homens e mulheres maduros. No entanto ficaram nervosos na hora de falar em público.

No curso de oratória eu peço para os alunos desenvolverem uma pequena palestra sobre suas áreas de atuação. Alguns deles acreditam no conhecimento que tem, porém não planejam, não se preparam e não ensaiam o suficiente, alguns nem mesmo isto fazem, resolvem falar de improviso. Acabam por  pagar um custo na hora da apresentação: vacilam, gaguejam, empacam num ponto, ficam nervosos, têm lapsos de memória, se perdem e enrolam o público com uma fala sem lógica.

Para controlar o medo de falar em público devemos vencer o FATOR TÉCNICO e o FATOR EMOCIONAL. Fator técnico = dominar o assunto. Fator emocional: obter autoconfiança.

Uma fórmula mais completa define o sucesso na oratória:

Pesquisa + Planejamento + Preparação + Ensaio + uso de técnicas de controle físico e emocional = domínio do assunto  = sucesso na oratória.

Esta é a fórmula do milagre da oratória: 99 % de transpiração + 1 % de inspiração

 99 % de transpiração porque você precisa suar a camisa, trabalhar muito: planejar, preparar o material de apoio, preparar-se física e mentalmente e ensaiar.

1 % de inspiração significa estar disposto, iluminado.

Diz o ditado: Deus ajuda a quem cedo madruga!  O milagre na oratória acontece quando você prepara o terreno para obter o sucesso. Levante cedo, trabalhe muito e certamente Deus o ajudará!

Texto extraído da apostila do nosso curso de Oratória.

 

Veja também curso de oratória em CDs.

 

Veja outros artigos sobre Oratória & Comunicação.

 

Um abraço,

 

Flávio Pereira

Mais Opções:

Imprima este artigo (Versão para impressão amigável) Assine nosso RSS Palavras-chave: , , , , ,

1 Comentário | Comente!

  • 1

    sandro pierre | 28/03/2009 às 14:50

    Como fazer os curso a distância, ou trazer pra minha cidade.

Comente este texto!






Voltar para o Topo